Inicial ARTIGOS A resiliência espiritual e as vitórias familiares

A resiliência espiritual e as vitórias familiares

6 minutos de leitura
0
0
208

Em tempos em que fotos dão a ilusão de perfeição, qual é a realidade? A oração é a ferramenta mais poderosa para fortalecer a família.

Não importa para que lado olhemos, veremos pessoas e famílias lutando com seus dramas pessoais e relacionais. Muitos se sentem massacrados pela angústia, dor e desespero. Isso gera pessoas apáticas, sem rumo ou forças para lutar e buscar as vitórias necessárias para si e para sua família. Com certeza, a maioria não sabe como lidar com as circunstâncias ao redor, que criam essa sensação de derrota diante da vida e dos dramas familiares. O que fazer para enfrentar estas circunstâncias devastadoras e sairmos vitoriosos?

Como cristãos, vivemos no contexto do conflito entre o bem e o mal, que lutam pelo destino eterno de cada ser humano. Na tentativa de alcançar vitória, o mal apresenta a todos nós dramas de todas as ordens, com o objetivo de nos “esmagar” e nos desanimar na fé. E a duvidarmos do amor de Deus.

Diante destas circunstâncias, especialmente os acadêmicos e psicólogos têm emprestado da física o conceito da resiliência. Trata-se da propriedade dos materiais de retornar ao seu estado original depois de terem sido submetidos a situações de estresse e tensões, causando rupturas e deformação elástica. A psicóloga Soraya Rodrigues Aragão conceitua resiliência “como a capacidade de psicoadaptação de indivíduos, grupos e/ou de organizações, de voltar ao seu estado ‘normal’, após alguma situação traumática ou crítica, ou seja, é a capacidade de superar adversidades.”

Então, na dimensão espiritual, podemos entender resiliência como sendo a capacidade de nos manter firmes e confiantes no cuidado e amor de Deus, independentemente das crises e lutas enfrentadas. Precisamos confiar que Deus sempre tem o melhor para a nossa vida. E, como no caso de Jó, tudo o que ele recebeu foi maior do que o estado original (Jó 42:10). Mas, como desenvolver essa resiliência espiritual?

  1. Confiar na Palavra de Deus como fonte de orientação para o enfrentamento de todos os tipos de crises. “Cada palavra de Deus é comprovadamente pura, Ele é um escudo para quem nEle se refugia” (Provérbios 30:5).
  2. Desenvolver intimidade com Deus por meio de um plano sistemático de oração. “Assim, aproximemo-nos do trono da graça com toda a confiança, a fim de recebermos misericórdia e encontrarmos graça que nos ajude no momento da necessidade” (Hebreus 4:16).
  3. Buscar “olhar” as situações e circunstâncias da vida, segundo a perspectiva de Deus. “Três vezes roguei ao Senhor que o tirasse de mim. Mas ele me disse: “Minha graça é suficiente para você, pois o meu poder se aperfeiçoa na fraqueza” (2 Coríntios 12:8,9).
  4. Ter contentamento. “Aprendi o segredo de viver contente em toda e qualquer situação… Tudo posso naquele que me fortalece” (Filipenses 4:12-13). Essa fala representa uma das maiores demonstrações de resiliência espiritual relatadas na Bíblia.

Permaneça ligado à fonte geradora de resiliência, pois a vitória é certa!


Alacy Barbosa é pastor, educador e há mais de 30 anos realiza encontros de casais e aconselhamento familiar. Casado com Cristina e pai de Emily, é avô de quatro lindos netos. É o atual diretor do Ministério da Família da Igreja Adventista para oito países sul-americanos.

Esse artigo foi publicado originalmente na Revista Família Esperança 2023.

Carregue mais artigos relacionados
Carregar mais por Portal Adventista Baixo Guandu Portal Adventista Baixo Guandu
Carregue mais ARTIGOS

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Verifique também

Falso ou autêntico?

Quem você realmente é diante dos outros? Compreenda mais sobre os impactos disso. A imagem…